Wednesday, 28 November 2012

Wednesdays for food: my green asparagus soup



I know that this is the second time I’m cooking with asparagus in a short period of time, however everybody has to love it… There’s something very delicate and sophisticated about this vegetable and its flavour, and therefore I’m always trying new recipes (or interpretations of famous recipes) with this green coloured beauty.
The recipe I’m suggesting today is very versatile. Either you can cook for a light and quick lunch, or for a more formal or special dinner. The flavour and the delicate velvety consistency will make the perfect first course for your guests.

For the asparagus soup you will need (serve for 4)
  • 15 to 20 green fresh asparagus stalks
  • 2 french leeks (white stalk)
  • 2 peeled potatoes
  • 1 chalotte
  • 2 cloves of garlic
  • Parmigiano Reggiano cheese
  • Nutmeg
  • Pepper
  • Salt
  • Olive oil


Steps:
Chop the onion, the garlic and the leek finely, and sauté in a big pan with olive oil. Stir well to prevent burning. Add the nutmeg and the pepper to taste and add 3 to 4 glasses of warm water to the pan, and then add the diced potatoes. Add salt to taste and let it boil.
Never forget always to taste your broth to see if it’s well seasoned.
Finally, add the asparagus (chop it into pieces and remove the hard parts) and let everything cook in the pan for about 10 minutes.
Once the vegetables are cooked, let it cool down for some minutes and then, with the help of a mixing cup or blender, reduce everything to a velvety cream.
Now, that’s when you add the grated Parmigiano Reggiano, that will melt in your soup and leave that wonderful strong accent which matches perfectly with the flavour of the asparagus.

Add the Parmigiano flakes to taste, and garnish it either with the heads of the asparagus, or the something else you may enjoy in your soup.(cream, croutons,etc)
In my case I garnished it with some more cheese and bit of Turkish sumac just for a bit of colour.



As I said this is a very versatile recipe which can be very useful for the approaching season of non-stop dinners with friends and family.

Slate dish for starters and cheese at CASA: soup bowl by Bordallo Pinheiro home wear (green cabbage collection)

Today I had my asparagus soup with some slices of Portuguese traditional corn bread with some prosciutto.  Hope you enjoy it. 

_________________________

Bem sei que esta é a segunda vez, num curto espaço de tempo, que apresento uma receita com espargos verdes, porém quem é que não gosta de espargos verdes?
Há algo muito delicado e sofisticado no sabor destes vegetais e, por isso, estou sempre a experimentar e a reinterpretar receitas com estas pequenas “belezas verdes”.

A receita que hoje sugiro é bastante versátil. Tanto pode constituir uma refeição rápida e leve, como fazer parte de um jantar mais formal ou especial. O sabor delicado e a consistência aveludada desta sopa transforma-a num primeiro prato perfeito para os nossos convidados.

Para a sopa de espargos verdes vai precisar (para 4)
  • 15 a 20 espargos frescos
  • 2 alhos franceses (talos brancos)
  • Duas batatas médias descascadas
  • 1 chalota
  • 2 dentes de alho
  • Queijo Parmesão
  • Noz-moscada
  • Pimenta
  • Sal
  • Azeite


Passos:
Cortar a cebola, o alho e o alho francês finamente e saltear, com um pouco de azeite, na panela. Mexer bem para que os vegetais não queimem. Junte a noz-moscada e a pimenta a gosto e, de seguida, 3 ou 4 copos de água quente a este salteado. Adicione as batatas cortadas em cubos e o sal. Deixe cozinhar.
Não se esqueça porém de experimentar a sopa durante todo este processo para que possa equilibrar o tempero paulatinamente.
Finalmente, junte os espargos (cortados em pedaços e remova as partes duras dos talos) e deixe cozinhar durante cerca de 10 minutos.

Uma vez cozinhados os vegetais, deixe o caldo arrefecer durante alguns minutos e, de seguida, reduza com a varinha mágica ou copo misturador, até que fique um creme aveludado.
Agora chegou o momento de adicionar o queijo Parmesão que irá derreter gentilmente na sopa, deixando aquele sabor intenso que combina tão bem com os espargos verdes.

Junte então as lascas de Parmesão a gosto e guarneça com as cabeças dos espargos ou algo que goste na sua sopa (natas, croutons, etc).
No meu caso, guarneci apenas com mais Parmesão e um pouco de sumagre turco para dar alguma cor.

Eis, assim, uma receita versátil que pode ser extremamente útil para a época de jantares “non-stop”, entre amigos e família, que se avizinha.

Hoje, para acompanhar a minha sopa de espargos optei por duas fatias de broa de milho tradicional com presunto. Espero que gostem!

6 comments:

  1. One of your most attractive posts - well done!

    I love the colours!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Thank you so much for your feedback! :) xxx

      Delete
  2. Uau! e que bem fica na louça Bordallo pinheiro!
    O que é sumagre turco?

    ReplyDelete
    Replies
    1. Muito obrigada Ana! Fico sempre muito contente com os seus comentários! Eu adoro as louças da Bordallo (umas colecções mais do que outras, é certo)! A colecção da couve portuguesa é uma das minhas preferidas, sem dúvida!
      O sumagre ou sumac (é mais fácil pesquisar assim) é uma planta que gera uma flor de cor avermelhada, que é seca e depois utilizada como especiaria, em particular na cozinha do Médio Oriente (Turquia, Irão,etc), para temperar saladas. Tem um travo cítrico e muito interessante! :)

      Delete
  3. Tem um ar super reconfortante. Vou fazer de certeza absoluta. Obrigada pelos bons pratos sempre acompanhados de belas imagens :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. É de facto muito reconfortante para estes dias mais frios e é tão simples de fazer! Eu é que agradeço a atenção e o interesse nas receitas e nas minhas experiências! :)

      Delete